sábado, 4 de fevereiro de 2017

CRASE

1. Definição
A crase é fusão de duas vogais idênticas numa só: da preposição a com o artigo feminino a e com o a do início de pronomes. Na língua portuguesa, ela é assinalada com o acento grave.


2. Quando não utilizamos a crase?
2. 1. Diante de palavras masculinas, exceto quando a expressão “à moda de” estiver implícita na frase.
Exemplo:
·         Fabrício recitou a poesia à Pablo Neruda (Fabrício recitou a poesia à moda de Pablo Neruda).


2.2. Antes de verbo
Exemplo:
·         Luana propensa a aceitar a proposta.

2.3. Antes de pronomes em geral
Exemplos:
·         Oton se referiu a esta decisão.
·         Sofia recomendou a ele o estudo dos clássicos da psicologia.

2.4. Antes de pronomes de tratamento, exceto diante dos pronomes de tratamento senhora, senhorita e dona e dos pronomes que aceitarem o artigo, a exemplo de mesma e própria.
Exemplos:
·         Dirijo-me a Vossa Senhoria.
·         Refiro-me à dona Zu.
·         Entreguei o recado à própria encarregada do estabelecimento.

2. 5. Com as expressões formadas de palavras repetidas
Exemplos:
·         A divulgação foi realizada de boca a boca.
·         Seguiram as orientações do manual passo a passo.

2. 6. Antes dos nomes de cidade, exceto quando o nome da cidade vier acompanhado por adjunto adnominal.
Exemplos:
·         Cheguei a Fortaleza.
·         Cheguei à Fortaleza dos Gomes.

2. 7. Quando um a (sem o s de plural) vem antes de um nome plural, exceto se o a vier seguido de s.
Exemplos:
·         Falei a pessoas estranhas.
·         Falei às pessoas estranhas.

3. Quando a crase é utilizada?
3.1. Quando o termo antecedente exigir a preposição a e o termo consequente aceite o artigo a (Regra geral)

3.2. Apenas diante de palavras femininas.
Exemplos:
·         Fui à escola hoje.


3.3. Em termos que indiquem hora
Exemplos:
Às oito horas iremos ao parque.
O comício terá abertura às 17h.
Maurício chegou aqui às 8h, mas não demorou.

Observação: quando as horas estiverem antecedidas das preposições para, desde e até, o artigo não receberá o acento indicador de crase.
Exemplos:
·         Elisa agendou a reunião para as 15h.
·         Lúcia resolveu distribuir as senhas, pois os pacientes estavam esperando desde as 5h.
·         Chegarei na oficina até as 9h.

3.4. Antes de locuções adverbiais femininas que expressam ideia de tempo, lugar e modo.
Exemplos:
Às vezes nos encontramos na empresa.
Maria tomou banho às pressas, pois acordou tarde.

4. Quando a crase é opcional?
4.1. Antes dos pronomes possessivos femininos (minha, tua, nossa)
Exemplos:
·         Tenho que dá explicações à minha coordenadora.
·         Tenho que dá explicações a minha coordenadora.
As duas frases estão corretas.
4.2. Antes de substantivos femininos próprios
Exemplos:
·         Raquel apresentou o pedido à Suzana.
·         Raquel apresentou o pedido a Suzana.
          As duas frases estão corretas.
4.3. Depois da palavra até
·         O cortejo chegou até à rua do paço municipal.
·         O cortejo chegou até a rua do paço municipal.
As duas frases estão corretas.

Onde se aplica crase? Que tal exercitar?

Teste seus conhecimentos  clicando no título do conteúdo
Português - Crase


QUESTÕES COMENTADAS
(TRE – CE 2012) Das decisões cotidianas relacionadas ...... distrações e dietas ...... escolhas profissionais e afetivas de longo prazo, o modo como usamos o tempo influencia todos os setores da vida e acarreta algum tipo de ônus ...... ser pago futuramente.
Preenchem corretamente as lacunas da frase acima, na ordem dada:
(A) a - às - à
(B) à - as - à
(C) à - às - a
(D) à - as - a
(E) a  - às - a

Comentário A sequência correta se encontra na letra (E). O primeiro item antecede um nome plural, onde não se aplica crase. O segundo item recebe a crase porque após preposição a exige-se o artigo a.  O terceiro item não recebe o acento crase por que  se encontra diante de um verbo.

Comentários em breve. Novas questões também!

Participe do nosso grupo de estudo no Google + Clicando aqui.

0 comentários:

Postar um comentário